Como um basquete inventado canadense

Como um basquete inventado canadense

O inverno nem havia chegado oficialmente e os meninos já estavam ficando inquietos. Dias depois que uma nevasca enterrou Springfield, Massachusetts, na neve, um caso altamente contagioso de febre da cabine devastou a Escola de Treinamento da Associação Cristã de Jovens Internacionais (YMCA). Os alunos indisciplinados agitavam-se nos corredores e não queriam se acalmar. Mesmo um jogo de futebol modificado no ginásio não conseguiu queimar o excesso de energia.

James Naismith, um estudante de graduação do segundo ano que havia sido recentemente nomeado instrutor de educação física, aceitou o desafio de um professor de desenvolver um jogo que mantivesse os alunos ativos nos meses de inverno. O canadense de 31 anos valeu-se de seu conhecimento de rúgbi, lacrosse e de um jogo infantil conhecido como “pato sobre uma pedra”, que combinava pegada com arremesso, para inventar um novo esporte.

Em 21 de dezembro de 1891, Naismith limpou o equipamento atlético do piso de madeira do ginásio e pegou uma bola de futebol. Ele pediu a um zelador duas caixas quadradas, mas o melhor que o zelador pôde fazer foi um par de cestos de pêssego, que Naismith montou no trilho inferior da varanda do ginásio, a cerca de 3 metros do chão.

“Chamei os meninos para a academia, dividi-os em times de nove e dei a eles uma bolinha de futebol”, relembrou Naismith em uma entrevista de rádio de 1939 que foi ao ar no WOR-AM na cidade de Nova York. “Mostrei a eles duas cestas de pêssego que preguei em cada extremidade do ginásio e disse a eles que a ideia era jogar a bola na cesta de pêssego do time adversário. Eu apitei e o primeiro jogo de basquete começou. ”

A única regra que Naismith deu aos meninos foi enfiar a bola no fundo da cesta de pêssegos, de onde foi retirada pelos alunos na varanda. A falta de diretrizes, entretanto, logo se mostrou problemática. “Os meninos começaram a atacar, chutar e socar nos clinches. Antes que eu pudesse separá-los, um menino foi nocauteado, vários deles tinham olhos negros e um tinha um ombro deslocado. Certamente foi um assassinato ”, disse Naismith na transmissão de 1939, considerada a única gravação existente de sua voz.

O jogo pode ter sido difícil, mas foi divertido. “Depois daquela primeira partida, fiquei com medo de que se matassem, mas eles continuaram me importunando para deixá-los jogar de novo, então criei algumas regras novas”, lembrou Naismith. O instrutor de educação física sentou-se e elaborou 13 regras para sua invenção e deu-as para sua secretária datilografar em duas páginas, que postou na academia.

A regra mais importante era que não podia haver corrida com a bola de futebol. Ele só poderia ser lançado ou golpeado do local onde foi pego. “Isso parou de atacar e golpear”, disse Naismith. “Experimentamos o jogo com essas regras e não houve baixas. Tínhamos um esporte bom e limpo. ”

Naismith considerou instituir lances livres como pênaltis para equipes que cometem faltas, mas descobriu que "depois de um pouco de prática, um bom lançador pode convertê-lo em um gol quase todas as vezes." Em vez disso, as regras originais exigiam que um jogador que cometesse duas faltas consecutivas antes de marcar uma cesta ficasse de fora até o próximo gol. Três faltas consecutivas de uma equipe resultaram em um placar para os adversários. Deveria haver “nenhum ombro, segurar, empurrar, tropeçar ou golpear de qualquer forma” no jogo, que era composto de dois tempos de 15 minutos.

Apesar das sugestões dos alunos de que ele chamasse o jogo de "Bola de Naismith", o modesto inventor deu ao esporte um apelido de duas palavras - "bola de basquete". Em um artigo publicado na edição de 15 de janeiro de 1892 de The Triangle, que foi distribuído para YMCAs em todo o país, Naismith detalhou suas 13 regras para um "novo jogo de bola" que "exige julgamento físico e coordenação de cada músculo e dá um desenvolvimento completo. ”

A ideia de Naismith pegou rapidamente em outros YMCAs e se espalhou para campi universitários para se tornar o jogo de crescimento mais rápido na história dos esportes. O basquete não era apenas para os meninos. Desde o advento do esporte, as mulheres vestidas com blusas e calções prateados jogaram o jogo que o Boston Globe considerou em 1893 um "substituto feminino muito justo para o futebol".

Em 1898, Naismith foi contratado como o primeiro treinador de basquete masculino na Universidade do Kansas. (Ironicamente, ele é o único treinador masculino na história do programa a ter um registro de derrotas.) Durante seu mandato, ele viu suas 13 regras começarem a evoluir. Os fundos foram eventualmente cortados das cestas de pêssego para transformá-los em aros, e os lances livres acabaram ganhando espaço para se tornarem parte do jogo. O drible foi introduzido em 1901. Embora Naismith tenha inicialmente escrito que o tamanho das equipes pode variar de 3 a 40 jogadores, dependendo do tamanho do espaço físico, as equipes de cinco jogadores se tornaram a norma.

As 13 regras originais de Naismith - completas com uma edição escrita à mão - agora residem na Universidade do Kansas depois que o ex-aluno David Booth, que cresceu à vista do campus, as comprou em um leilão em 2010 por US $ 4,3 milhões. O preço obtido pelas duas páginas amareladas até eclipsou o de uma cópia da Proclamação de Emancipação assinada por Abraham Lincoln e outrora propriedade de Robert Kennedy, que foi licitada no mesmo leilão. No início deste ano, uma nova exibição com as regras foi revelada em um prédio de 32.000 pés quadrados adjacente à arena de basquete da universidade.

Os livros de regras do basquete ganharam peso considerável desde que Naismith inventou as primeiras diretrizes, 125 anos atrás. O Livro de Regras Oficiais da National Basketball Association tem agora mais de 65 páginas e dita tudo, desde onde os treinadores podem ficar na linha lateral até a necessidade dos jogadores colocarem suas camisas para dentro de algo que Naismith nunca poderia ter sonhado - o uso de replay instantâneo para auxiliar os árbitros.

13 regras originais de Naismith:

  • A bola pode ser lançada em qualquer direção por uma ou ambas as mãos.
  • A bola pode ser batida em qualquer direção com uma ou ambas as mãos (nunca com o punho).
  • Um jogador não pode correr com a bola. O jogador deve lançá-la do local em que a pega, devendo ser feito ao homem que pega a bola ao correr, se tentar parar.
  • A bola deve ser segurada pelas mãos; os braços ou o corpo não devem ser usados ​​para segurá-lo.
  • Nenhum ombro, segurar, empurrar, tropeçar ou golpear de qualquer forma a pessoa de um oponente deve ser permitido; a primeira infração à regra por qualquer jogador contará como falta, a segunda deverá desclassificá-lo até que o próximo gol seja feito, ou se houver evidente intenção de ferir a pessoa, durante todo o jogo, nenhuma substituição permitida.
  • Uma falta é golpear a bola com o punho, violação das regras 3, 4 e conforme descrito na regra 5.
  • Se um dos lados cometer três faltas consecutivas, contará com um gol para os adversários (significa consecutivo sem os adversários cometerem uma falta nesse meio tempo).
  • Um gol deve ser feito quando a bola é lançada ou rebatida do campo para a cesta e lá permanece, desde que aqueles que defendem a baliza não toquem ou perturbem o gol. Se a bola ficar nas bordas e o adversário mover a cesta, isso contará como gol.
  • Quando a bola sai de campo, deve ser lançada no campo de jogo pela pessoa que a tocar primeiro. Em caso de disputa, o árbitro deve jogá-lo direto para o campo. O lançamento é permitido cinco segundos; se ele o segurar por mais tempo, ele irá para o oponente. Se qualquer lado persistir em atrasar o jogo, o árbitro deverá marcar uma falta sobre aquele time.
  • O árbitro deve ser o juiz dos homens e deve anotar as faltas e notificar o árbitro quando três faltas consecutivas forem cometidas. Ele terá o poder de desqualificar os homens de acordo com a regra 5
  • O árbitro será o juiz da bola e decidirá quando a bola está em jogo, dentro dos limites, a que lado pertence, e deverá marcar o tempo. Ele deve decidir quando um gol foi feito, e manter em conta os gols, com quaisquer outras funções que normalmente são desempenhadas pelo árbitro.
  • O tempo será de duas metades de 15 minutos, com 5 minutos de descanso entre elas.
  • O lado que fizer mais gols nesse tempo será declarado o vencedor. Em caso de empate, o jogo pode ser de comum acordo, continuando até que seja feito outro golo.

James Naismith: o inventor canadense do basquete

O Dr. James Naismith foi o instrutor de educação física canadense que, inspirado por uma tarefa de ensino e sua própria infância, inventou o basquete em 1891.

Naismith nasceu em Almonte, Ontário e foi educado na McGill University e no Presbyterian College em Montreal. Ele foi professor de educação física na Universidade McGill (1887 a 1890) e mudou-se para Springfield, Massachusetts em 1890 para trabalhar no Y.M.C.A. Escola de Treinamento Internacional, que mais tarde se tornou o Springfield College. Sob a direção do especialista em educação física americano Luther Halsey Gulick, Naismith teve 14 dias para criar um jogo indoor que proporcionasse uma "distração atlética" para uma turbulenta aula durante o inverno brutal da Nova Inglaterra. Sua solução para o problema se tornou um dos esportes mais populares do mundo e um negócio de bilhões de dólares.

Lutando para desenvolver um jogo que funcionasse em pisos de madeira em um espaço fechado, Naismith estudou esportes como futebol americano, futebol e lacrosse com pouco sucesso. Então ele se lembrou de um jogo que ele jogava quando criança chamado "Pato na Pedra" que exigia que os jogadores batessem um "pato" de uma grande pedra jogando pedras nela. "Com este jogo em mente, pensei que se a meta fosse horizontal em vez de vertical, os jogadores seriam compelidos a lançar a bola em um arco e a força, que criava aspereza, não teria valor. Uma meta horizontal, então , era o que eu procurava e imaginei isso ", disse ele.

Naismith chamou o jogo de basquete - um aceno ao fato de que duas cestas de pêssego, penduradas a três metros de altura, forneciam os gols. O instrutor então escreveu 13 regras.

As primeiras regras formais foram criadas em 1892. Inicialmente, os jogadores driblavam uma bola de futebol para cima e para baixo em uma quadra de dimensões não especificadas. Os pontos foram ganhos ao pousar a bola em uma cesta de pêssego. Aros de ferro e uma cesta em formato de rede foram introduzidos em 1893. Outra década se passou, porém, antes que a inovação das redes abertas acabasse com a prática de retirar manualmente a bola da cesta cada vez que um gol era marcado.

O Dr. Naismith, que se tornou médico em 1898, foi posteriormente contratado pela Universidade do Kansas naquele mesmo ano. Ele estabeleceu um dos programas mais famosos do basquete universitário e serviu como Diretor Atlético e membro do corpo docente da universidade por quase 40 anos, aposentando-se em 1937.

Em 1959, James Naismith foi introduzido no Basketball Hall of Fame (chamado de Naismith Memorial Hall of Fame).


Basquete, uma breve história

O basquete foi inventado em 1891 pelo Dr. James Naismith, um canadense de ascendência escocesa no Springfield College Massachusetts. A faculdade era a International YMCA Training School e o jogo foi inventado para fornecer uma atividade interna para os líderes de YMCA em treinamento. Quando o jogo era jogado pela primeira vez, cestos de pêssego eram pregados em cada extremidade do ginásio como “gols”, daí a origem do nome “basquete”.

O primeiro conjunto de regras foi publicado e distribuído pelo movimento YMCA em 1892 e isso resultou na rápida disseminação do jogo por todo o Canadá e os EUA. 1892 também viu o jogo ser disputado na Inglaterra pela primeira vez no Birkenhead YMCA, depois que o presidente do clube foi o jogo disputado durante uma viagem de negócios ao Canadá. Em 1893, o jogo foi introduzido no Physical Training College em Hampstead (agora Dartford College of PE) por Madame Berman Osterberg. Mudanças no jogo para se adequar às meninas levaram à publicação das primeiras regras do netball em 1901.

Em 1898, uma liga profissional foi estabelecida nos EUA e em 1911 o basquete já havia se espalhado pelo Reino Unido como esporte. Em 1924, foi introduzido como esporte de demonstração nos Jogos Olímpicos de Paris e a Grã-Bretanha conquistou o título. Em 1927, Abe Saperstein, um londrino do mundialmente famoso Harlem Globetrotters, e em 1931 a Fiba, a Federação Internacional de Basquete, foi formada com um galês como seu primeiro secretário.

A England Basketball Association foi formada em 1936, 13 anos antes da NBA ser formada na América, e em 1957 a English Schools Basketball Association foi formada. A década de 1970 viu a introdução das ligas nacionais masculinas e femininas no Reino Unido e, em 1999, 219 equipes foram inscritas em mais de 16 ligas nacionais, com quase 100 competindo em menos de 15 níveis. Em 1990, havia 117 países membros da Fiba, tornando o basquete o segundo maior de todos os órgãos governamentais do mundo e também o esporte de maior participação e crescimento do mundo.

Até o momento, existem 212 países membros em todo o mundo, enquanto apenas no Reino Unido existem mais de 500.000 pessoas que participam regularmente do basquete recreativo e é cada vez mais comum encontrar o esporte como parte do currículo em escolas de todos os níveis. Também é amplamente utilizado como uma atividade comunitária, pois qualquer pessoa de qualquer idade ou sexo pode participar. O basquete agora está incluído nos Jogos da Commonwealth e o esporte em geral recebeu muita cobertura quando a equipe de cadeiras de rodas da GB se apresentou com muito sucesso nas Paraolimpíadas recentemente, provando que é um esporte acessível e jogável por todos.

Gostaria de receber regularmente notícias, dicas, ideias e códigos promocionais da Gardenlines?

Inscreva-se aqui para receber nosso boletim informativo e junte-se ao Gardenlines Club


A liga de basquete foi fundada como Basketball Association of America em 1946.

Adotou o nome National Basketball Association ou NBA após a integração com o adversário National Basketball League no ano de 1949.

Em termos de popularidade, nível de competição e habilidades, a NBA é conhecida como a liga profissional de basquete mais significativa e notável em todo o mundo.


História do Basquete

Um médico canadense, William Naismith, inventou o jogo de basquete em janeiro de 1892, para fornecer um esporte de inverno indoor para o YMCA em Springfield, Massachusetts. Ele escreveu regras básicas e pregou duas cestas de pêssego em cada extremidade de uma grande sala. De suas 13 regras originais, nove foram mantidas, mas mudaram um pouco. Como o basquete usava tão poucos jogadores, os membros do YMCA ficavam chateados porque mais homens não podiam usar a academia juntos. As equipes começaram a pensar em alugar seus próprios salões. Isso levou às equipes profissionais.

O primeiro jogo utilizou nove jogadores por time e uma bola de futebol. O número foi alterado para 5 em 1897 e permanece nesse mesmo número desde então. O nome basquete foi sugerido durante este primeiro jogo. O primeiro jogo profissional foi entre o Trenton YMCA e o Brooklyn YMCA. Aconteceu em Trenton, New Jersey, em novembro de 1896. Os jogadores foram pagos e a admissão foi cobrada.

A Liga Nacional de Basquete foi organizada em 1898 com seis times da Filadélfia e de Nova Jersey. Outras ligas logo começaram, mas a maioria não durou muito. Em 1901, as faculdades começaram a formar times de basquete. Houve muitas lesões nos jogos. O presidente Theodore Roosevelt exortou as faculdades a estabelecer um corpo governante que faria regras e regulamentos. Eles fizeram isso no verão de 1910.

No início, nem todas as equipes profissionais estavam em ligas. Alguns viajaram pelo país para jogar com vários outros times. Essas equipes independentes foram chamadas velejadores. Após a Primeira Guerra Mundial, os irmãos Furey trouxeram inovações para o basquete. Eles introduziram a defesa por zona no jogo. Eles também colocaram em prática a ideia de um jogador ter um contrato com uma equipe e não sair de uma equipe para outra.

Em 1913, havia pelo menos quatro conjuntos de regras, incluindo aquelas feitas por faculdades, YMCA e equipes profissionais. Em 1915, o YMCA, a União Atlética Amadora e as faculdades juntas decidiram fazer suas próprias regras. O Comitê de Regras foi renomeado como Comitê Nacional de Basquete dos Estados Unidos e Canadá. Esse comitê era o único órgão normativo até 1979. Naquele ano, faculdades e escolas secundárias se separaram e se separaram para escrever suas próprias regras.

O basquete não era um esporte muito popular na América até 1925, com a criação da Liga Americana de Basquete. As equipes eram patrocinadas principalmente por grandes corporações. Eles tiveram que se separar por duas temporadas durante a Grande Depressão. No entanto, a temporada 1935-1936 foi muito melhor para a liga porque a economia estava melhorando.

Nos primeiros anos, a pontuação era baixa e os jogos avançavam lentamente. No entanto, a NBC instituiu novas regras de jogo durante a década de 1930. O salto central após cada gol foi eliminado. Uma linha foi traçada no meio da quadra e o time ofensivo teve apenas 10 segundos para passar a bola além dela ou perder a bola.

O coaching também fez mudanças. O técnico da Universidade de Stanford, Luisetti, lançou o chute com uma mão na década de 1930. Na década de 1950, surgiu o arremesso. 'Intervalo rápido'foi outra ferramenta ofensiva inventada pelo treinador da Universidade de Rhode Island. O time ofensivo empurrou forte e rápido pela quadra.

Após a Segunda Guerra Mundial, o basquete começou a crescer, principalmente com o advento dos jogos televisionados. Alguns jogadores superestrelas melhoraram muito a visualização e o comparecimento ao basquete. Ele cresceu em quatro direções diferentes: times de ensino médio e universitário, basquete profissional, basquete feminino e basquete internacional. o NBA, National Basketball Association, foi fundada em 1949 para times profissionais de basquete.


História do basquete: quem, quando, onde e como foi inventado?

Basquete ... jogo de basquete ... jogo de quadra ... todos nós o conhecemos hoje como um jogo que é jogado por duas equipes opostas, cada uma composta por 5 jogadores.

E os jogadores marcam pontos lançando a bola através de aros horizontais a uma altura elevada.

Não há dúvida de que este jogo cresceu e se tornou um dos esportes mais populares nos Estados Unidos e em outras partes do mundo (com mais de 300 milhões de jogadores).

Mas você já se perguntou como tudo começou?

Se sim, temos todos os fatos conosco. No artigo a seguir, discutiremos toda a história do basquete - incluindo quem o inventou, quando, onde, como e muitos outros detalhes.

Quem inventou o basquete?

James Naismith é creditado com a invenção do jogo de basquete.

Depois de se formar em teologia pelo Presbyterian College em Montreal aos 31 anos, Naismith seguiu seu amor pelo atletismo e matriculou-se em educação física no Springfield College (conhecido como YMCA Training School na época).

Por volta desse período, a educação física era uma disciplina relativamente nova e impopular. Foi ministrado por Luther Halsey Gulick, hoje considerado o pai das recreações e da educação física nos Estados Unidos.

Por volta do inverno de 1891, o tempo esfriou e sua classe não podia participar de esportes ao ar livre, como lacrosse e futebol.

Para ajudá-los a queimar a energia que acumularam para permanecerem inativos, todas as aulas de ginástica oferecidas a eles eram calistenia, marcha, trabalho com aparelhos etc. - o que os alunos rapidamente acharam enfadonho em comparação com lacrosse e futebol.

Uma reunião de professores foi realizada para encontrar uma solução para a inquietação expressa pelos alunos. E no final, Gulick encarregou Naismith de criar um novo esporte dentro de um período de uma semana.

Foi então que Naismith, o instrutor da turma, lembrou-se da sessão de verão de 1891, quando Gulick os desafiou a criar um jogo interessante e fácil de aprender e jogar no inverno e com o uso de luz artificial.

Naismith então colocou sua criatividade em ação e surgiu com o que todos nós conhecemos hoje como o jogo de basquete.

Ele se aproximou do zelador da escola e pediu-lhe que encontrasse caixas quadradas de 18 "que ele usaria como gols. O zelador só conseguiu encontrar duas cestas de pêssego, cada uma das quais Naismith pregada na grade inferior da varanda do ginásio (a uma altura de 3 metros).

Um homem era então posicionado em cada gol para tirar a bola da cesta e colocá-la de volta no jogo. No entanto, os fundos das cestas de pêssego foram cortados alguns anos depois para permitir que a bola caísse depois de uma pontuação.

Ele então desenhou as primeiras 13 regras do basquete que explicavam como mover a bola e o que seria considerado uma falta. A primeira equipe foi formada e um árbitro foi nomeado. Ele jogou a bola no meio do playground e o primeiro jogo de basquete caiu!

Aqui está a ÚNICA gravação de áudio do inventor do basquete, James Naismith, contando a história de como tudo começou.

Quando foi inventado o basquete?

Depois que o novo jogo nasceu, no inverno de 1891, ele se tornou um sucesso instantâneo! A notícia de um novo jogo se espalhou tão rápido que, algumas semanas após o primeiro jogo, todos os outros YMCAs já começaram a jogá-lo.

As 13 regras do jogo foram impressas na revista College e enviadas para todas as outras YMCAs em todo o país por correio.

O fato de a faculdade ter um corpo discente bem representado internacionalmente, foi fácil de apresentar o novo jogo para outros países também.

As faculdades e escolas secundárias também adotaram o novo jogo. E no ano de 1905, o basquete tornou-se oficialmente reconhecido como o principal esporte de inverno.

Onde foi inventado o basquete?

O local exato de origem da bola de basquete gerou alguma confusão. Isso se deve principalmente ao fracasso em estabelecer qualquer relação entre o Springfield College e o YMCA - ambos diretamente relacionados à invenção do basquete.

Parte da confusão vem do fato de que a instituição nunca foi conhecida como Springfield College até 1954. Era originalmente conhecida como a “Escola para Trabalhadores Cristãos”. Tudo isso mudou três vezes e os nomes incluem: YMCA Training School, International YMCA Training School e the International YMCA College.

O Springfield College, desde sua fundação em 1885, sempre foi uma instituição privada e independente. Embora o colégio tenha desfrutado de colaborações benéficas com o YMCA por muito tempo, ele nunca teve qualquer vínculo formal com o movimento.

Uma pequena placa encontrada na esquina do prédio onde Naismith inventou o basquete, no entanto, agravou toda essa confusão. Este prédio está localizado na esquina das ruas Sherman e State em Springfield, Massachusetts. A placa traz as palavras "Associação Cristã de Jovens de Armory Hill" e também é visível nas fotos antigas do prédio.

Os historiadores especulam que a Armory Hill YMCA possuía este edifício e que James Naismith era um funcionário da YMCA.

No entanto, as coisas tomaram uma curva diferente em 2010, quando alguns documentos históricos do Springfield College e YMCA foram descobertos. Eles indicaram que o ginásio em que o primeiro jogo de basquete foi jogado não era uma instituição YMCA, mas um prédio que pertencia à School for Christian Workers, que é o atual Springfield College. O Armory Hill YMCA poderia ter alugado algum espaço no prédio para suas atividades e provavelmente colocado uma pequena placa para atrair clientes.

Até que seja redescoberto de outra forma, permanece o fato de que a origem do basquete é o Springfield College.

Como o primeiro jogo foi jogado

O primeiro jogo de basquete da história foi disputado em 21 de dezembro de 1981 em Springfield, Massachusetts.

A academia em que eles jogavam era bem pequena (50 x 35 pés em comparação com a quadra moderna que mede 94 x 35 pés. Naismith, o inventor do basquete, fixou as 13 regras do basquete no quadro de avisos da academia e acertou dois pêssegos cestas nas duas extremidades do ginásio.

Ele então dividiu sua turma de 18 alunos em duas metades, formando duas equipes. Em outras palavras, cada equipe tem 9 jogadores - divididos em 3 atacantes, 3 centros e 3 guardas. Ele então apresentou as regras do basquete para eles.

Os jogadores do Time A foram: William R. Chase, Edwin P. Ruggles, Lyman Archibald, William H. Davis, Finlay G. MacDonald, Frank Mahan, T. Duncan Patton, Eugene S. Libby e John J. Thompson.

Os jogadores do Time B foram: Henry Gelan, George Day, Franklin Barnes, Benjamin S. French, Genzabaro Ishikawa, Raymond Kaighn, Ernest Hildner, Wilbert Carey e George Weller.

Um árbitro também foi nomeado e instruído a entender todas as regras do basquete e o que seria considerado uma falta, pontuação, etc.

Quando tudo estava definido, dois pivôs de cada lado se encontraram no centro, onde Naismith lançou a bola e o jogo começou.

O jogo terminou com um placar de 1 a 0, onde o time A foi o vencedor. O único gol que os tornou vitoriosos foi marcado por William R. Chase a uma distância de 25 pés da cesta de pêssegos.

Antes de terminarmos esta postagem, vamos dar uma olhada rápida nas “13 regras do basquete” que Naismith criou:

Isso é tudo que você precisa saber sobre como o basquete foi inventado. Recapitulando rapidamente, James Naismith é quem inventou o basquete. Ele foi incumbido por Gulick, o pai da educação física, de criar um jogo que pudesse ser jogado no inverno.

O primeiro jogo foi disputado em 21 de dezembro de 1981 em Springfield, Massachusetts. Envolveu duas equipes, cada uma com um total de 9 jogadores.

A primeira 'quadra' era menor que a moderna e os aros usados ​​eram cestos de pêssego.

O primeiro jogo terminou em 1-0, com William R. Chase fazendo o primeiro a marcar um gol na história do basquete.


História - 14 de maio de 1874 Como o Canadá criou o futebol americano

Embora os sites americanos raramente, ou nunca, mencionem isso, e os locutores esportivos americanos provavelmente também não saibam, a origem de outro de seus maiores esportes profissionais veio do Canadá.

Enquanto o canadense James Naismith inventou o basquete, o "futebol" do estilo americano também veio do Canadá, depois que os americanos jogaram um jogo desenvolvido no Canadá.

A história do esporte americano frequentemente cita um jogo de 1869 entre a Rutgers University e Princeton como a origem de seu jogo de & # 8220football & # 8221, mas esse era um estilo de jogo bastante diferente que tinha pouca semelhança com o que chamamos de futebol hoje, incluindo, por exemplo, com 25 jogadores de cada lado. Sua única reivindicação real à fama é o início dos esportes intercolegiais. No final de 1800, as universidades dos Estados Unidos e do Canadá estavam jogando um rúgbi semelhante ao futebol trazido da Inglaterra. No entanto, o esporte evoluiu um pouco no novo mundo, e também evoluiu de forma bastante diferente nos dois países.

O que hoje é conhecido como um dos maiores esportes profissionais americanos, surgiu como resultado da exposição americana à versão canadense do esporte.

Em 1874, o time americano da Harvard University estava tentando jogar contra outro time universitário e convidou a McGill University em Montreal para jogar contra eles. No entanto, a essa altura, as versões americana e canadense do futebol americano de rugby eram substancialmente diferentes.

Supostamente a foto de um dos dois jogos entre Harvard e McGill, que se tornou o início do estilo de futebol americano. © Notman photo- Arquivos McGill

Assim, a decisão foi tomada para que as equipes jogassem dois jogos, um pelas regras americanas de Harvard e um jogo pelas regras canadenses.

Em 13 e 14 de maio, em 1874, dois jogos foram disputados nos Estados Unidos. O primeiro era jogado com as regras de Harvard, que era um jogo mais parecido com futebol e com bola redonda, o segundo era jogado com as regras de McGill, com bola oblonga.

O jogo Harvard era uma variação do futebol conhecida como & # 8220Boston Game & # 8221. Isso permitia ao jogador pegar a bola e correr com ela se fosse perseguido, mas se o perseguidor parasse, ele gritaria para o dono da bola que então teve que lançar ou chutar a bola.

No final das contas, os americanos venceram o primeiro jogo por 3 a 0, enquanto o segundo jogo com regras canadenses foi um empate sem gols.

No entanto, é muito mais importante para o jogo de estilo americano de hoje e extravagâncias como o Super Bowl e todos os outros. o time de Harvard preferiu as regras canadenses.

Isso incluía colocar apenas 11 jogadores em campo durante uma partida, enquanto os americanos geralmente jogavam com 15 membros (ou mais) em campo. Ainda hoje, o futebol americano coloca em campo apenas 11 membros por equipe.

A equipe de Harvard gostou das inovações canadenses no jogo, como correr com a bola, downs, passes para frente, postes de gol para um try ou touchdown e tackle. Eles adotaram as regras canadenses e os introduziram em uma partida contra Yale no ano seguinte.

Fontes americanas tendem a citar todo esse jogo dos EUA como o início do futebol americano, ignorando o fato de que o Canadá foi a fonte do jogo de Harvard.

O jogo inicial McGill-Harvard. também marcou a primeira vez que a admissão foi cobrada em um evento esportivo universitário, com uma taxa de 50 centavos para os espectadores, que aparentemente seria usada após o jogo para “entreter” o time canadense visitante. O futebol americano universitário agora gera bem mais de um bilhão de dólares em receitas todos os anos.

Em 1876, um livro de regras formalizado foi criado pelas faculdades americanas, pois o novo esporte seguia um caminho muito diferente dos esportes de futebol e rugby (rugby), mas que havia sido muito influenciado pelas inovações canadenses.


Como um basquete canadense inventou - HISTÓRIA

Hoje descobri a origem do basquete esportivo.

Surpreendentemente, ao contrário da maioria dos esportes cujas origens são um tanto obscuras, muitas vezes sendo a combinação de outros esportes e desenvolvido gradualmente ao longo do tempo, o basquete tem uma origem muito precisa e totalmente conhecida (o próprio inventor escreveu um relato sobre isso, publicado após sua morte, veja o & # 8220 Fontes e leituras adicionais & # 8221 abaixo). Até a data do primeiro jogo é conhecida, 21 de dezembro de 1891.

Tudo foi iniciado pelo Dr. James Naismith, filho de dois imigrantes escoceses no Canadá. Em 1891, o Dr. Naismith ensinava educação física em Springfield, MA na YMCA International Training School (que hoje é o Springfield College). Enquanto estava lá, o diretor de educação física, Dr. Luther Gulick, pediu a ele que propusesse um novo jogo que os alunos pudessem jogar dentro de casa durante o inverno que ajudasse a manter os corredores de atletismo em forma e seria relativamente seguro para jogar ( particularmente que teria uma pequena quantidade de contato físico para que os jogadores não se machucassem neste jogo).

O Dr. Naismith teve duas semanas para criar esse jogo. O que ele criou foi inspirado em um jogo que ele jogou quando criança, & # 8220Duck on a Rock & # 8221, que é um jogo que é jogado desde os tempos medievais. Em & # 8220Duck on a Rock & # 8221, uma pedra grande (& # 8220duck & # 8221) seria colocada no topo de uma rocha ainda maior ou toco de árvore ou semelhante. Um jogador azarado foi então encarregado de proteger a rocha. Todos os outros jogadores teriam então uma pedra para jogar no & # 8220duck & # 8221 cada, a fim de derrubá-lo do toco de árvore ou pedra em que ele foi colocado. Se o & # 8220duck & # 8221 foi derrubado antes que os arremessadores tivessem todos lançado suas pedras, o defensor irá parar de defender e pegar o & # 8220duck & # 8221 e partir para a ofensiva. Infelizmente, ele não consegue jogar o pato de volta nas pessoas que estavam apenas jogando pedras em sua direção. Rather, after the duck is knocked off, all the players throwing stones must go and retrieve one of the thrown stones and then make it safely back to the throwing line. After the defender picks up the fallen “duck” and places it back on the rock or tree stump, he/she is then allowed to run around and tag any of the players who have not yet made it back to the throwing line. If a player is tagged, they become the new guard.

Rather than using a rock, Dr. Naismith’s decided his game would be played with an association football, also known as a soccer ball (click here to read about the origin of the name “soccer”, which, by the way this name preceded the first known instance of the sport first being called by the singular term “football”). The goal of Dr. Naismith’s game would be to throw a soccer ball into a peach basket, which would be nailed up high on the wall. He chose the soccer ball as he deemed it to be fairly safe to be thrown around and not likely to cause injury. He decided to put the basket high on the wall because he observed most injuries seemed to happen in sports around the goal zone with both defenders and the offensive side becoming very aggressive in these regions. So he felt by putting it up high, it would prevent some of the potential for injury between offenses and defenses.

Interestingly, the original peach baskets did not have their bottoms knocked out, so whenever someone would get the soccer ball in the basket, the game would be temporarily paused while someone climbed a ladder to retrieve the ball. This obviously soon became annoying, so a hole was put in the bottom of the basket. Bizarrely, when they put this hole in the basket, they did not initially think to knock out the entire bottom and instead still had to use a long wooden dowel to poke the soccer ball out of the basket, which was at least less annoying than needing to climb a ladder.

Another major difference from modern day basketball is that there was no dribbling allowed, only passing and the person with the ball had to stay in place, excepting if they were running when they caught the ball, then they were allowed some leeway in which to continue moving while they slowed themselves quickly to a stop. This rule against running with the ball was because Dr. Naismith observed that in most sports, many injuries tended to happen when the player with the ball ran around, particularly with the other team more or less attacking that player. This way, the focus would be more on the ball, rather than the player.

As mentioned, the game was first played on December 21, 1891. This inaugural game was played with nine players on each team and after 30 minutes total of play (two fifteen minute halves) the final score was 1-0, fitting for a game played with a soccer ball. The lone point was scored by William R. Chase, from around 25 feet away from the basket. The thirteen rules used in this original version of basketball were as follows:

  1. The ball may be thrown in any direction with one or both hands.
  2. The ball may be batted in any direction with one or both hands, but never with the fist.
  3. A player cannot run with the ball. The player must throw it from the spot on which he catches it, allowance to be made for a man running at good speed.
  4. The ball must be held in or between the hands. The arms or body must not be used for holding it.
  5. No shouldering, holding, pushing, striking or tripping in any way of an opponent. The first infringement of this rule by any person shall count as a foul the second shall disqualify him until the next goal is made or, if there was evident intent to injure the person, for the whole of the game. No substitution shall be allowed.
  6. A foul is striking at the ball with the fist, violations of Rules 3 and 4 and such as described in Rule 5.
  7. If either side make three consecutive fouls it shall count as a goal for the opponents (consecutive means without the opponents in the meantime making a foul).
  8. Goal shall be made when the ball is thrown or batted from the ground into the basket and stays there, providing those defending the goal do not touch or disturb the goal. If the ball rests on the edge and the opponents move the basket, it shall count as a goal.
  9. When the ball goes out of bounds, it shall be thrown into the field and played by the first person touching it. In case of dispute the umpire shall throw it straight into the field. The thrower-in is allowed five seconds. If he holds it longer, it shall go to the opponent. If any side persists in delaying the game, the umpire shall call a foul on them.
  10. The umpire shall be judge of the men and shall note the fouls and notify the referee when three consecutive fouls have been made. He shall have the power to disqualify men according to Rule 5.
  11. The referee shall be the judge of the ball and decide when it is in play in bounds, to which side it belongs, and shall keep the time. He shall decide when a goal has been made and keep account of the goals with any other duties that are usually performed by a referee.
  12. The time shall be two 15-minute halves with five minutes’ rest between.
  13. The side making the most goals in that time shall be declared the winners.

This first game was described thus:

When Mr. Stubbins brought up the peach baskets to the gym I secured them on the inside of the railing of the gallery. This was about 10 feet from the floor, one at each end of the gymnasium. I then put the 13 rules on the bulletin board just behind the instructor’s platform, secured a soccer ball and awaited the arrival of the class… The class did not show much enthusiasm but followed my lead… I then explained what they had to do to make goals, tossed the ball up between the two center men & tried to keep them somewhat near the rules. Most of the fouls were called for running with the ball, though tackling the man with the ball was not uncommon… It was the start of the first basketball game and the finish of trouble with that class.

Despite the somewhat underwhelming first game results, which was just one point away from ending in a meaningless tie, the game soon became extremely popular at the YMCA in Springfield and within a year was spreading to other YMCA’s. Within three years, basketball started being accepted as not just a fun game to play indoors, but a legitimate sport in its own right. The rules, of course, began being tweaked nearly from the beginning and the old peach basket was thrown out in favor of iron rims with netting as early as 1893 (though, interestingly, the first netted hoops had a closed bottom, so a long wooden dowel still had to be used to retrieve the ball for around a decade after the net was introduced until someone finally got the bright idea of just using an open ended net, so that the ball would just fall through, no stick required). In addition to that, specialized balls began being made, instead of just using a soccer ball. Fast-forward to today and basketball is considered one of the world’s most popular sports, being played by an estimated 300 million people.

No discussion of the origin of basketball would be complete without addressing the common alternate “conspiracy theory” origin. This theory popped up in the 1950s, claiming that a director of a YMCA in Herkimer, New York, Lambert G. Will, actually invented the game almost a year before Dr. Naismith claimed the first basketball game took place. The primary piece of evidence to support this claim is a photograph of what is apparently a basketball team in Herkimer dated in 1892. Obviously this is after the game illustrated above, but what makes this picture intriguing is that the ball in the picture has 91-92 written on it, implying the team had been formed in 1891, which doesn’t necessarily mean this was before Dr. Naismith’s first game, but possibly. There are a few problems with this, though. First, that Lambert G. Will himself never claimed to have invented the game and further, his grandson, Rick Will claims that his grandfather always implied that Dr. Naismith had invented the game, not himself. Thus even without the mountain of evidence that backs up Dr. Naismith’s claim, while the 󈭋” on the ball seems curious, if Will himself claimed Dr. Naismith invented it, then one would tend to believe Dr. Naismith’s story of the origin of basketball and the first game.

Now, to be clear, while Will’s descendants don’t claim that Lambert G. Will invented the game, they do claim that he gave Dr. Naismith several suggestions on improving the game as Dr. Naismith had contact him about the new game, asking for suggestions. However, as another of his grandson’s, Lawrence Will, stated, “He came up with some ideas, but I suspect he wasn’t the only one.” What his exact suggestions might have been are unclear, some, like Lawrence Will, indicate that he only made a few suggestions, some of which were adopted, perhaps because of Lawrence Will’s suggestion or perhaps because of another who made the same suggestion (a lot of people in the early days of the sport helped tweak the game). Others go so far as to basically state that Lawrence Will came up with almost every key feature of the game including: passing by hand (these individuals claim Dr. Naismith’s game only included passing by foot with, oddly, a medicine ball, not a soccer ball being used, which obviously makes no sense in the “don’t get people injured” rule for developing the game) introducing a bounceable ball and dribbling the metal rim the net (knitted by his wife no less),standardizing the basketball court and giving the idea for an open bottom on the net so the ball could fall through. Obviously this seems highly unlikely as it flies in the face of a lot of direct evidence in the Dr. Naismith camp and Will’s descendants on the whole make no such significant claims based on what they know of Lawrence Will’s part in the development of basketball. In the end, it is likely that Will had a part through correspondents with Dr. Naismith in the development of the early game after it was introduced, but it seems pretty clear that he did not invent it, as some basketball conspiracy theorists claim.


Who invented the sport of basketball?

Most of the sports today are either a combination of other sports or they have an untraceable origin. But same is not the case with the game of Basketball.

One of the most popular games around the world and being played by an estimated 300 million people around the globe, basketball has a well-defined origin, an inventor and a story behind the origin.

The game was invented by one Dr. James Naismith, teacher of Physical Education at the YMCA – Springfield, Massachusetts, USA.

Origins and Rules of the game

While at YMCA, Dr. Naismith was given a project by the Head of the Physical Education Department, Dr. L. Gulick, to come up with a new game which could be played indoors during the winter season so that the pupils could stay active and the track and field runners would stay fit.

At the end of two weeks, Dr. Naismith brought two peach baskets to the gymnasium (The baskets did not have their bottoms knocked out) and secured them high on the railings on the two ends of the gymnasium.

He thought keeping the baskets at a higher position will reduce the potential risks of injury to the players as the most aggressive game is always near the goal area. The first Basketball game was then played with a soccer ball which was again introduced with the mindset that it is light enough to cause any significant injuries.

A set of 13 rules were laid down for the game by Dr. James. Here are the rules, as cited on the Kansas Heritage website.

1. The ball may be thrown in any direction with one or both hands.

2. The ball may be batted in any direction with one or both hands, but never with the fist.

3. A player cannot run with the ball. The player must throw it from the spot on which he catches it, allowance to be made for a man running at good speed.

4. The ball must be held in or between the hands. The arms or body must not be used for holding it.

5. No shouldering, holding, pushing, striking or tripping in any way of an opponent. The first infringement of this rule by any person shall count as a foul the second shall disqualify him until the next goal is made or, if there was evident intent to injure the person, for the whole of the game. No substitution shall be allowed.

6. Fouls are striking at the ball with the fist, violations of Rules 3 and 4 and such as described in Rule 5.

7. If either side makes three consecutive fouls it shall count as a goal for the opponents (consecutive means without the opponents in the meantime making a foul).

8. Goal shall be made when the ball is thrown or batted from the ground into the basket and stays there, providing those defending the goal do not touch or disturb the goal. If the ball rests on the edge and the opponents move the basket, it shall count as a goal.

9. When the ball goes out of bounds, it shall be thrown into the field and played by the first person touching it. In case of dispute the umpire shall throw it straight into the field. The thrower-in is allowed five seconds. If he holds it longer, it shall go to the opponent. If any side persists in delaying the game, the umpire shall call a foul on them.

10. The umpire shall be judge of the men and shall note the fouls and notify the referee when three consecutive fouls have been made. He shall have the power to disqualify men according to Rule 5.

11. The referee shall be the judge of the ball and decide when it is in play in bounds, to which side it belongs, and shall keep the time. He shall decide when a goal has been made and keep account of the goals with any other duties that are usually performed by a referee.

12. The time shall be two 15-minute halves with five minutes’ rest between.

13. The side making the most goals in that time shall be declared the winners.

This first game of basketball was played on December 21, 1891. It was played with 9 players on each team and the final score was 1-0, with the sole basket of the game being scored by William R. Chase from 25 feet away from the basket.

Dr. Naismith claims that the game was inspired from the game of “Duck on a Rock”, a very old game in which a duck (a stone) kept on a huge rock or tree stump had to be knocked off by some players from a distance by throwing rocks and a defender had to keep the duck safe from getting knocked off.

The game soon spread and became popular in other YMCAs around the world and then spread all over the world. And we know the popularity and the crazy fans the game has earned today.

The most interesting part of the early basketball years was that the peach baskets did not have an open bottom so whenever someone would score a basket, the game would be temporarily stopped so that someone would retrieve the ball back using a ladder. Later on however, a small hole was cut out in the bottom so that the ball could be retrieved by poking it with a stick from beneath.

The rules began to be tweaked from the beginning of the game and the iron rims with netting were introduced as early as 1893. But even then, the bottoms were not open and someone had to climb to retrieve the ball or poke it out.

After a decade, someone came up with the bright idea of introducing open ended nets so that the ball may just fall through.

The Controversy

There is a conspiracy theory revolved around the question on who really invented the game. The question popped up in the 1950s claiming that the Director at YMCA New York, Lambert G. Will was the original inventor of the game.

The claim is supported with a picture of a basketball dated 1892, which is later than the first game being played but the ball in the picture has 91-92 written on it which states that the team was formed in 1891. However, Lambert G. Will has never claimed to be the founder of the game, though his grandson claims that he suggested most of the major rules of the game to Dr. Naismith while he was creating the game and asked for suggestions.

Conclusão

Basketball was thus invented in America, by a Canadian of British origin in 1891. Dr. Naismith later became the first basketball coach at the University of Kansas where he retired as the only coach in the history of the university with a losing record (55-60).


A Fascinating Look at the History and Evolution of Basketball

With a fan-base of 400+ million, basketball is one of the top ten most popular sports in the world. Here's something on its history.

With a fan-base of 400+ million, basketball is one of the top ten most popular sports in the world. Here’s something on its history.

Basketball was invented in 1891 by Dr. James Naismith. He was a Canadian physical education student, and an instructor with the YMCA Training School (which is known as Springfield College today) in Springfield, Massachusetts, USA.

He wanted his students to play a game which helped them remain fit. The New England winters were very cold and quite long. Therefore the game had to be an indoor sport. So, he began to search for different games, but rejected several options due to the fact that they were either too rough or not well suited for indoor play.

Finally, he began to write down some basic rules and nailed two peach baskets onto an elevated track. The peach baskets had their bottoms, so every time the ball went into them, it had to be removed manually. Soon, a hole was drilled into the bottom of the basket to enable the ball to be pushed out using a stick. However, this variation soon developed into the basketball baskets that we see today. Also, at that time, the ball used for the game was a soccer ball. This game began to be called ‘BasketBall’.

The Spread of the Game

From the YMCA gym to a game played at the Olympics, basketball has certainly come a long way. The game’s popularity grew and it spread from the United States to Canada. Eventually, even a women’s team was formed in 1892, at Smith College.

Although the game spread to wherever the YMCA was located, several sports clubs, colleges, and even professional clubs began to play the game. In the late 1950s, Tony Hinkle introduced the orange ball, which is used today. With the introduction of this ball, players were able to introduce a variety of moves such as dribbling, into the game.

The game also began to spread into universities and colleges. Teams of players began to be formed, and tournaments began to be held across the country. In 1910, a governing body called the ‘Intercollegiate Athletic Association of the United States’ was formed on the suggestion of President Roosevelt, prompted by the increase in the number of players’ injuries on the basketball court.

By the 1920s, basketball had gained a lot of popularity. Several such basketball associations and governing bodies came and went, but none of them lasted long. During the first part of the 20th Century, the game spread to schools, and several high school basketball teams began to be formed and came into prominence.

The International Basketball Federation was formed in 1932 by 8 nations―Argentina, Czechoslovakia, Greece, Italy, Latvia, Portugal, Romania, and Switzerland. This proved that the game had spread far and wide across the globe, and had gained tremendous popularity all over.

Basketball was introduced into the Olympics in 1936. USA has won all but 3 of the international tournaments for basketball so far. In 1946, the Basketball Association of America (BAA) was formed to help organize the top professional teams. The popularity of the game of basketball grew even more.

In 1949, the BAA got converted into the National Basketball Association or NBA. Many top players such as Bill Russel, Wilt Chamberlain, and Bob Cousy helped make the game very popular. Then there were players like Kareem Abdul-Jabbar, Larry Bird, Shaquille O’Neal, Orlando Magic, and Magic Johnson who rose to stardom because of basketball. Recently, players like Kobe Bryant and LeBron James have re-created the popularity of the game.

Popularity

The popularity of basketball as a sport can be accorded to the fact that it is an indoor game, and thus, can be played at any time of the year. Also, for a player, the equipment needed is not very much. All one has to do is invest in a good ball and some loose fitting shorts and a vest. This makes it a game which can be played by anyone.

Most schools, colleges, and parks will feature a small court where people can play this game. The game is played vigorously in schools everywhere, making it a good choice for fitness. It has a different place in several communities and towns, where the game is played rather ambitiously. Colleges offer scholarships to basketball players. Professional basketball is often a career choice of many good school players.

This has also given rise to basketball scouts, who go around in schools and colleges and pick out potential players for teams. Basketball scouting and coaching has also become an important profession for many physical education professionals.


Assista o vídeo: LIFETIME Zaprojektowaliśmy dla Ciebie stojak do koszykówki